segunda-feira, 14 de dezembro de 2009

Pós Tanatos

Quando os violoncelos pularam por sobre as ondas,
Mal pude crer no que via:
Abri as portas e o Sol adentrou sem cumprimentos;
As cordas ainda ressoaram tensas quando o cortejo passou
Pela rua;

Tirei meu chapéu roto sem muita ênfase.

Nenhum comentário:

Postar um comentário