domingo, 18 de abril de 2010

O grande erro de deus

O grande erro de deus
Foi não ter feito o homem
À imagem de Aristóteles.

Poderíamos ter tão somente páginas arrancadas
De um livro qualquer de álgebra booleana.

Ou quem sabe Platão.

Seríamos corações de longas barbas
E sem corpo.

Aos que preferem bigodes,
Nistszche é a solução.

(Que bigodão!)

Aos lustrosos,
Foucault e seus reflexos/reflexões
Históricos.

Uma macieira com cem quedas
para a política
De Newton/Washington,

Um corvo de Poe.

Nenhum comentário:

Postar um comentário